quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

“A vida da gente”

Estava vendo agora a novela “A vida da gente” e pensei...
Será que um dia vou consegui realizar meus sonhos?
Sabe, eu sonho em ser noiva, casar, ter filhos.. Queria ter uns 3 ou 4  filhos..
Será que tudo isso será realmente possível?
Às vezes eu acredito que sim, às vezes eu não acredito...
Vejo as minhas amigas namorando há anos, grávidas, casadas, separadas, solteiras e começo a pensar nos planos que tenho para o meu futuro.
Ano que vem eu quero me formar, mas ainda faltam 13 matérias, não sei se vou conseguir.
Ano que vem eu quero conhecer Mohamed e começar a fazer planos com ele, mas não sei se ele vem realmente.
Eu sinto que eu gosto dele e sinto que ele gosta de mim, mas, será que vai ser como pensamos? Será que ele vai querer realmente vir morar no Brasil e se casar comigo?
Não sei, tenho medo. Prefiro pensar que sim,, que tudo vai dar certo, para não ficar triste.
Olhei para meu passado por alguns instantes e imaginei...
Nunca tive meu pai presente na minha vida, nunca tive uma família de verdade, sabe?
Eu tinha a minha mãe que até meus 11 anos foi uma ótima mãe e me educou muito bem, mas depois que ela ficou doente, eu passei a ser mãe dela. Quero tanto construir uma família.
O Natal esta chegando... Mohamed não comemora Natal (pelo que li na internet), e por um lado eu fico feliz com isso... Natal sempre foi uma época triste para mim.. Minha avó materna faleceu dia 23/12/1990 eu tinha 6 anos.. Desde então nunca mais tive um Natal feliz...
Mas eu tenho um sonho que não precisa ser realizado dia 25 de Dezembro...  Um dia quero estar sentada diante de uma mesa, ao lado do meu marido, com meus filhos e quero vê-los felizes, sorrindo, brincado. Este é meu maior sonho. Preciso acreditar que isso será possível, mas confesso que às vezes não acredito nisso.
Hoje estou um pouco desanimada e sem muitas coisas a dizer, mas continuo sonhando. Vamos ver..

Beijos,
Mary  =|


Ps: Um video que diz que Muçulmano não comemora Natal:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oie! Obrigada por participar!
É um prazer receber você aqui.
Beijos, Mary